Para incentivar doações, rádio tira a palavra “sangue” de músicas

A partir desta semana, os ouvintes da Rádio Nova Brasil FM serão surpreendidos com algumas músicas propositalmente “com defeito” na programação. Sucessos nacionais como “Doce vampiro”, de Rita Lee, “Querem meu sangue”, do Cidade Negra, e “Podres Poderes”, de Caetano Veloso, terão silêncios sempre que a palavra sangue aparecer na letra. A ação faz parte de uma campanha, idealizada pela Wunderman, para incentivar a audiência a doar sangue durante o mês de férias, período em que os estoques de sangue costumam cair nos bancos de coleta. Ao final de cada música, surgirá a explicação: “Se o sangue faz falta nas músicas, imagina nos bancos de sangue. Doe e ajude a salvar vidas”, diz a assinatura. Ouvintes que tenham a função RDS nos seus rádios ainda serão impactados por mensagens da campanha no display do aparelho. A campanha também terá desdobramentos nos meios digitais e pretende atingir, durante todo o mês, cerca de 2 milhões de pessoas, em 170 cidades, nos estados de São Paulo, de Pernambuco, da Bahia e no Distrito Federal. “Além de levar entretenimento e informação às pessoas, o meio rádio é um dos mais efetivos para ajudar a conscientizar o público. Estamos muito empenhados em ajudar a população a se engajar neste movimento”, disse Nivaldo Fernandes, coordenador artístico da rádio, em comunicado. A rádio Nova Brasil atua em São Paulo, Campinas, Brasília, Recife e Salvador.

Postagens mais visitadas