terça-feira, 2 de maio de 2017

Ondas Curtas edição 93

* O Comunicador Ricardo Leite não faz mais parte do quadro de Comunicadores da Rádio Capital. Leite deixou a emissora na última sexta-feira.  

*  Quem vai chegar na Capital para substituir Ricardo Leite é o comunicador Pedro Trucão que acaba de sair da Rádio Globo em São  Paulo estreia na Capital em dois horários no próximo dia 15 de maio.

* O Site da Rádio Globo está desatualizado. Nele ainda aparecem os nomes de Antônio Carlos e Pedro Trucão como comunicadores da emissora. Que fase...


* Jornada Dupla...  Agora o Bicho Vai Pegar estreia hoje a tarde na Mix FM de São Paulo as 17 horas. Após o programa Roman Laurito e Guilherme Pallesi   da região do Paraíso rumo ao Morumbi, Na Rádio Bandeirantes eles comandam o Resenha a partir das 19 horas.

* Outra boa notícia veio direto do  apresentador e empresário Carlos Massa, o popular Ratinho afirmou que  sua emissora a Massa FM estará em breve operando em São Paulo. Tudo isso ao vivo  em seu programa no SBT na noite do dia 1º de maio. Ratinho não deu mais detalhes, mas o que a coluna apurou é que a Massa tenta transmitir no disputado mercado de São  Paulo há pelo menos 4 anos e quase fechou anos atrás com o Grupo Estado a compra de um de seus canais de rádio. A Massa FM que tem oito emissoras próprias no Paraná, e uma em  Lages (SC) e outra em Adamantina, interior de SP. 

* Além da Super Notícia FM que estreia agora em maio em Belo Horizonte a Transmérica FM   de Belo Horizonte estreia  hoje o programa “Transamérica Esportes”, 17h às 18h. Mais um importante espaço para o esporte no Rádio de Belo Horizonte. Sintonize em BH: FM 88.7 Mhz ou pelo aplicativo da Transamérica e escolha BH. O Comando será de @CrisGalo (Atlético) e Hugãoae (Cruzeiro). Viva o Rádio que respira, principalmente o rádio de BH.

* Me lembra o parceiro Edu César do Papo de Bola que a estreia da equipe da Transmérica BH com bola rolando acontece no domingo que na partida decisiva entre Atlético e Cruzeiro e depois se  estende para o resto da temporada. Fazem parte da equipe de esportes da Transamérica BH os narradores Carlos "Menininho" Gomes, e Roger Luiz - comentaristas são: Vinícius Grissi e os "comentaristas torcedores": o Cruzeiro com Hugão, Mariana Silveira e Cristiano Monteiro, o "CrisGalo". As reportagens serão de Vinícius Silveira no Galo e Adilson Martins na Raposa, além de Márcio Eliase  Alisson Ferreira no plantão esportivo. Daniel Ribeiro e  Alexandre Silva serão os apresentadores. Da-lhe BH.


* O jovem repórter e produtor Guilherme Cimatti começou muito bem na Rádio Bandeirantes, Cimatti foi muito elogiado na época da Rádio Globo e foi vítima da má gestão que acabou  demitindo muita gente boa como ele por exemplo. Ainda bem retornou ao dial, agora empunhando o forte microfone da RB.

Em dia de  Liga dos Campeões da Europa o rádio esportivo se agita em plena tarde te terça-feira. Em São  Paulo emissoras como Globo, Bandeirantes e BandNews FM vão transmitir o jogo entre Real Madri e Atlético de Madri. 

* Começou a fase de transição na Rádio Globo, com as saídas dos Comunicadores Antônio Carlos que vai para Super Tupi e Pedro Trucal que já acertou com a Capital, seus substitutos tidos como "tampões" ficam ocupando horários até a chegada da nova programação da emissora que pode não ser mais dia 15 de maio.

A Rádio Trânsito Caçula de Pneus FM 92.1, em parceria com o Observatório Nacional de Segurança Viária, lança nesta terça-feira a campanha "Seja Você o seu Agente de Trânsito". A ação acontece durante o Maio Amarelo, mês de conscientização pelas vítimas do trânsito. O objetivo é fazer com que o motorista seja responsável, pelo menos durante um dia inteiro, cumprindo 100% dos 10 mandamentos da boa direção.


* O que aconteceu há anos com o departamento esportivo hoje é mais que evidente como nova realidade para os comunicadores de rádio.   Vendas... comunicador que não vende, dificilmente vai ficar no ar em uma emissora do segmento popular.  Do jeito que está não será surpresa pra ninguém se em breve as rádios jornalísticas adotarem o mesmo padrão. Hoje muitas emissoras digamos que "maneram" nas críticas  devido as  cotas de patrocínios regionais, estaduais e federais.  Mais um momento #ripradio - Cabe ao ouvinte saber quem é quem no segmento.

 Via Agência FI - Mais um veículo de comunicação encerra as atividades de sua programação esportiva. Agora é a Rede Família de Televisão que, a partir deste mês de maio, não tem mais nenhuma atração esportiva em sua grade de programas. No ar há mais de dez anos, com interrupção de um curto período que a emissora ficou com programação exclusivamente de conteúdo religioso, o Rede Família Esportes era o programa que estava fazia mais tempo na programação da emissora. Nos últimos três anos, os programas esportivos passaram a ter repercussão nacional com a entrada da Rede Família nas antenas parabólicas, além de manter-se em sinal aberto em sete Estados diferentes do Brasil e em várias operadoras de tv a cabo. A programação esportiva da Rede Família tinha como destaques os programas“Camarote RF”, com as presenças de treinadores e dirigentes e o“Quarta do Craque”, com a participação de ex-jogadores que fizeram sucesso no futebol brasileiro. Além de duas edições do“Rede Família Esportes”, com uma programação diária de uma hora e meia só de jornalismo esportivo. Além de Guina Paiva, a Rede Família tinha uma equipe de experientes cronistas esportivos como Zenon de Souza Farias, Artur Eugênio Mathias, Nando Lopes e Ederaldo Poy. Nos últimos anos também estiveram atuando na Rede Família, o ex-goleiro Veloso, o ex-árbitro Flávio de Carvalho e os radialistas Roger Willians e João Carlos Carvalho.


* Nossa corrente de oração e pensamentos positivos para o grande comunicador Altieris Barbiero de 72 anos, que está se recuperando de um problema de saúde. Em breve o  grande comunicador estará de volta aos microfones da Rádio 9 de Julho. A história de Altieris Barbieiro se mistura com a história dos grandes comunicadores do rádio em amplitude modulada do Brasil.

Para refletir.. principalmente para quem vai fazer vestibular. Matéria desta  segunda-feira dia 01/05 do Jornal Folha de SãoPaulo/FolhaPress:

Ser repórter de jornal é a pior profissão de 2017, segundo um estudo da consultoria CareerCast, nos Estados Unidos. O levantamento levou em consideração o salário, expectativa de crescimento no emprego, competitividade, grau de estresse e riscos à segurança pessoal. A expectativa de crescimento no emprego para repórteres é negativa, de -8%, segundo o estudo. Em segundo lugar, ficaram os profissionais de rádio e TV ("broadcasters"), com uma expectativa de crescimento de -9%. Os lenhadores estão na frente dos jornalistas na lista, na terceira posição - nos Estados Unidos, eles ganham praticamente o mesmo que repórteres de jornal, US$ 37,5 mil por ano (US$ 3,1 mil por mês). Em seguida, ficaram os militares, trabalhadores do controle de pragas urbano, DJ.
Contatos da coluna:
Twitter: @andersoncheni
Email: cheninocampo@gmail.com
Face: facebook.com/anderson.cheni/