sexta-feira, 17 de julho de 2015

Curso de Jornalismo Esportivo em São Paulo

http://www.cursodejornalismoesportivo.com.br/


CBN

Fim de Expediente itinerante em Brasília 
O programa  formado pelo ator Dan Stulbach, o escritor José Godoy e o economista Luiz Gustavo Medina, irá receber as jornalistas Cristiana Lôbo (GloboNews) e Eliane Cantanhêde (Estadão) na edição especial do programa do próximo dia 31.
Serviço: Data: 31 de julho de 2015 - Horário: das 18h às 19h* Teatro Eva Herz - Livraria Cultura Brasília (Shopping Iguatemi) Shin CA 4, Lote A - Shopping Iguatemi - Lago Norte, Brasília * Entrada franca. Serão distribuídos ingressos a partir das 17h. Sujeito à lotação do local. * Limitados a dois por pessoa com entrada permitida até 17h50. 


Confraria CBN celebra a cerveja
A CBN estreia o boletim "Confraria CBN: um brinde à cerveja", no dia 7 de agosto, dia internacional da bebida. O beer sommelier Tulio Rodrigues, professor e coordenador do curso de Administração em Negócios da Cerveja da FGV, vai dar dicas de como harmonizar cerveja com comida e revelar curiosidades sobre o universo cervejeiro: “há uma infinidade de tipos e sabores de cerveja para cada ocasião e paladar”. O recente boom das cervejas no Brasil vem abrindo o leque de possibilidades aos seus apreciadores. O sommelier propõe, no entanto, beber "moderada e qualitativamente" a cerveja e lembra: “saber apreciar é o segredo de um bom cervejeiro”. O quadro irá ao ar todas as sextas-feiras, às 22h20, no CBN Noite Total.

Transamérica terá uma semana especial

A Rede Transamérica Pop terá uma programação especial na próxima semana, de 20 a 24 de julho, a partir das 13h. Intitulado “Estúdio Ao Vivo Especial Transalouca – Música do Bem”, o projeto tem como objetivo unir humor e solidariedade com os artistas de sucesso do momento. O evento contará com shows de NX Zero, Sam Alves, Planta e Raiz, Aliados e Dnaipes com participação de Vitor Kley. O comando da festa ficará a cargo dos apresentadores do programa “Transalouca 4.0”: Rodrigo Piczioneri, Fuzil, Gavião e Angélica Morango. Para participar e ficar cara a cara com o artista favorito, o público deverá contribuir com a doação de um agasalho novo ou em bom estado. 
 Agenda de shows “Estúdio Ao Vivo Especial Transalouca – Música do Bem”: 
20/07 – Dnaipes part. Victor Kley 
21/07 – NX Zero 
22/07 – Aliados 
23/07 – Planta e Raiz 
24/07 – Sam Alves

Plano prevê 699 novas rádios comunitárias

MinCom já divulgou a lista com os
nomes das cidades contempladas
O Ministério das Comunicações lançou essa semana um novo Plano Nacional de Outorgas (PNO) para emissoras comunitárias e educativas. Ao todo, 699 municípios vão ser contemplados com novas rádios comunitárias e outras 235 localidades serão beneficiadas com rádios e TVs educativas. Clique aqui e confira a lista de cidades. O Plano Nacional de Outorgas traz um cronograma com a previsão de lançamento dos editais de seleção pública, que abrem a concorrência entre as entidades interessadas em prestar o serviço em cada cidade. O MiniCom já divulgou a lista das cidades contempladas (clique aqui) O PNO de radiodifusão comunitária vai contemplar 496 municípios brasileiros que ainda não possuem nenhuma rádio autorizada e outras 203 cidades que já contam com pelo menos uma emissora. Atualmente, as rádios comunitárias estão presentes em 3.781 municípios. O objetivo com esse novo plano é ampliar o serviço para 4.277 cidades, o que representa 76,7% das localidades brasileiras. Na opinião do secretário de Comunicação Eletrônica do MiniCom, Emiliano José, o lançamento do PNO é um avanço na garantia ao direito à comunicação. “Para que se garanta a pluralidade, é preciso haver a máxima dispersão das emissoras. Isso dá a possibilidade de a sociedade se manifestar, falar e ser ouvida”, disse. A definição sobre quais municípios são incluídos no PNO é feita com base na demanda reprimida, ou seja, nas solicitações para abertura de novas emissoras que chegam até o ministério. Já o Plano Nacional de Outorgas para emissoras educativas vai abranger 235 municípios. Serão 205 novas outorgas para rádios FM e 30 para TVs com fins exclusivamente educativos. O PNO vai garantir um aumento expressivo no número de emissoras que prestam esse tipo serviço. Até hoje, o MiniCom já concedeu 716 outorgas de educativas, 508 rádios FM e 208 TVs. A intenção é chegar a 951 outorgas em todo o país. Juntamente com o PNO, o Ministério das Comunicações também vai simplificar os procedimentos para os interessados em obter outorgas para os serviços de radiodifusão. O número de documentos que deverão ser apresentados e as etapas de análise dos processos vão ser reduzidos de forma significativa. Pelas novas regras, que serão detalhadas em agosto, o número de documentos que as entidades deverão apresentar para concorrer a uma outorga de rádio comunitária vai diminuir de 33 para apenas 7. No caso das emissoras educativas, a relação de documentos também será simplificada e vai cair dos atuais 18 para 8, menos da metade. A iniciativa é resultado das propostas do Grupo de Trabalho de Desburocratização de outorgas lançado no início do ano. Para o secretário-executivo do MiniCom, Luiz Azevedo, a iniciativa vai facilitar a análise dos processos e a concessão dos serviços. “Nós temos em torno de 80% de todos os pedidos de rádios comunitárias que acabam não se efetivando por causa de exigência de documentação. Nós temos certeza que com essas novas medidas vamos fazer o resultado ser o inverso, que mais de 80% dos pedidos sejam aprovados”, afirma.
Fonte Ministério das Comunicações