quinta-feira, 29 de maio de 2014

Seminário "Política F.C. - O futebol na ditadura"

Para muitos, futebol e política são como água e azeite: não se misturam. Porém, ao longo das décadas observamos que, de uma forma ou de outra, ambos se cruzam e trilham os mesmos caminhos. Além de conquistar torcedores, o futebol despertou nos políticos uma atração poderosa, que o transformou numa importante plataforma rumo ao poder. Foram aspectos como esses que levaram à criação da exposição “PolíticaF.C. – o futebol na ditadura”, que entra em cartaz no Memorial da Resistência de São Paulo no próximo dia 14 de junho. A proposta é apresentar ao torcedor momentos importantes da história nacional e do mundo em que futebol e política se misturaram. O foco principal é mostrar como a ditadura brasileira usou imagem da Seleção, especialmente na Copa de 1970, para vender ao povo e ao resto do mundo a falsa ideia de que o Brasil estava se transformara numa potência dentro e fora dos gramados. Mas, antes da abertura da exposição, convidamos o público a discutir essa intrigante relação entre política e futebol num seminário que reunirá historiadores, jornalistas e ex-jogadores para debater diferentes aspectos deste assunto. Com entrada franca e certificado de participação, o público acompanhará cinco dias de discussões, exibição de filmes e relatos que provam que política e futebol são tão entrosados quanto as tabelinhas de Pelé e Tostão. Os jornalistas Milton Bellintani e Vanessa Gonçalves são os curadores  responsáveis pela  exposição, pesquisadores: Amanda Macedo Fernandes, Thiago Kater e Thomaz Lemmi Di Natale.
SERVIÇO: 
Seminário "Política F. C. - O futebol na ditadura"  - Local: Memorial da Resistência de São Paulo Endereço: Largo General Osório, 66 – Luz - Auditório Vitae – 5º andar Período: de 03 a 07 de junho de 2014, das 13h às 18h Entrada: Franca*
* O auditório tem capacidade para 160 pessoas. Ingressos para cada mesa deverão ser retirados na portaria com 30 minutos de antecedência

Mais informações no aqui