terça-feira, 20 de maio de 2014

Emissoras de rádio e TV latinas vão compartilhar conteúdos

O governo de Cristina Kirchner
idealizou o programa 
 “Futebol para Todos”
Os diretores das emissoras públicas de rádio e TV da América Latina assinaram um acordo para criar uma plataforma digital onde serão compartilhados conteúdos entre os países da região, no segundo dia do Mercado de Indústrias Culturais do Sul (Micsur) na Argentina. No acordo, que encerrou o Encontro de Meios Públicos da América Latina (Empal), as emissoras de Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Nicarágua, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela se comprometeram também a comprar os direitos de transmissão de eventos esportivos de forma conjunta. O documento também destaca ‘a importância de compartilhar a experiência dos marcos normativos’ sobre os meios de comunicação de cada país. Durante os debates do Empal, o presidente da Radio y Televisión Argentina (RTA), Tristán Bauer, destacou o ‘grande sucesso’ da Lei de Meios aprovada pelo governo de Cristina Kirchner em 2009, e afirmou que a mesma ‘poderia ser um modelo’ para toda América Latina. Além do encontro de meios, o segundo dia de atividades no Micsur colocou foco no design, com um desfile que mostrou as principais tendências tradicionais e atuais dos países participantes. O Micsur reúne até o domingo, em Mar del Plata (Argentina), artistas, produtores e representantes de todos os ramos da cultura da América Latina para apresentar suas novidades e vender suas últimas criações para empresas do continente e da Europa.
Fontes: Exame e Rádio em Revista
Foto: Clarín