sexta-feira, 23 de maio de 2014

Com tecnologia e time de cem profissionais, Terra inicia cobertura do Mundial Fifa

Vídeos, fotos, textos, hangouts no programa diário, entradas ao vivo a qualquer momento e de qualquer lugar – via mochilink. Com esses elementos, o Terra inicia uma grande cobertura da Copa do Mundo no Brasil na próxima segunda-feira (26). Com patrocínio da Fiat, Bradesco, Unilever (com as marcas Clear e Rexona) e Ambev, o Terra contará com 100 profissionais para acompanhar o evento, começando com duas equipes diretamente do Rio de Janeiro. 
Cobertura
Já na segunda-feira, uma delas estará a postos, na Granja Comary, sede da CBF, e outra dividida entre os dois aeroportos cariocas, para acompanhar a chegada dos jogadores escalados por Felipão para apresentação. Daí em diante, o Terra promete uma verdadeira “perseguição” à seleção canarinho e também aos nossos principais rivais, registrando todos os acontecimentos do Mundial, antes, durante e depois dos jogos. As possíveis manifestações populares que acontecerem nos arredores dos estádios, também terão atenção da equipe. “Esta é a Copa das manifestações, nosso noticiário diário acompanhará, com destaque, concentrações de populares em protesto durante o evento”, comenta Hélio Gomes, diretor de conteúdo do Terra. Para dar conta do grande volume de informações, a cobertura contará com oito ‘mochilinks’ – sendo uma exclusivamente para acompanhar a Seleção e as demais para as entradas ao vivo diretamente de São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Distrito Federal e Fortaleza –, 13 credenciados para assistir aos jogos de dentro dos estádios e um repórter que acompanhará as reuniões diárias da Fifa, no Rio de Janeiro. Narração minuto a minuto de todos os jogos e um programa ao vivo diário, que começa agora e vai até dia 14, um dia depois do final do Mundial, darão a dinâmica para que todos os detalhes sejam levados com riqueza aos usuários que acompanharão o evento pelo Terra. Ainda antes do início da Copa, o Terra acompanhará todos os treinos da Seleção Brasileira, bem como os dois amistosos que o time de Felipão fará: dia 3 de junho, em Goiânia, e dia 6, em São Paulo. Assim como os jogos do Brasil antes da Copa, todos os 64 jogos da Copa terão narração minuto a minuto em texto ou em formato liveblogging. Além de acompanhar todos os passos do time brasileiro, o Terra também terá repórteres de sua sede brasileira dedicados a acompanhar todos os passos da Argentina (a partir do dia 2), principal rival, Espanha (a partir do dia 9), atual campeã, e treinos de outras seleções (a partir do dia 14). De outros países onde o Terra atua, mais três repórteres estarão em terras brasileiras para acompanhar suas seleções e fazer um intercâmbio de informações entre as redações. Da Colômbia, Enrico Delgado; do Chile, Cristiano Reys; e do México, Erick Flores. A cobertura da Copa do Mundo no Brasil pelo Terra é a última e a principal parte do projeto ‘Copa mais que 90 minutos’, que teve início em outubro de 2012 e inclui, desde então, notícias dos amistosos, pré-eliminatórias, Eliminatórias e Copa das Confederações. 
Comentaristas e Blogueiros 
Para complementar toda a cobertura, o Terra integrou também um grupo de comentaristas e blogueiros a seu time de Copa do Mundo: Flavio Salgueiro, do Bandsports e editor do Blog SalgueiroFC e Caravana da Aventura; Marcelo Bianconi e Bruno Prado, ex-comentaristas RedeTV; e Felipeh Campos, fundador da torcida gay do Corinthians Gaivotas Fieis, participarão dos programas ao vivo ou farão posts em blogs com suas assinaturas. O jornalista Bob Fernandes também viajará com a equipe do Terra para comentar em seu blog, no Terra Magazine, visões sobre o evento esportivo e reflexões no cenário político-social brasileiro. Outro blogueiro de destaque da cobertura é Antonio Prada, ex-diretor de conteúdo do Terra. Especializado em bastidores do futebol, Prada também acompanhará de perto a Seleção Brasileira, buscando novidades exclusivas, que também poderão ser conferidas no Terra Magazine. “A cobertura de grandes eventos está no DNA do Terra. Foi assim nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, nos Jogos Panamericanos de Guadalajara e em todos os acontecimentos esportivos dos últimos anos”, explica Luciane Aquino, CMO Global do Terra. “Com uma Copa do Mundo no Brasil, "em casa’, vamos trazer para o usuário o melhor de cada momento, dentro e fora dos estádios”, completa.
Fonte e foto: Divulgação Terra