segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Rádio SP


Depois de Marcelo Gomes, ao que tudo indica agora será a vez de Mário Marra (foto), comentarista da Globo e CBN de Belo Horizonte migrar para São Paulo.
Com a saída de Paulo Passos que foi trabalhar no portal IG, a emissora busca um comentarista para seu lugar, já que apenas Victor Birner está a disposição (apesar das férias foi escalado para fazer SP x Lusa).
Marra, na minha opinião é um excelente comentarista, trabalhou sábado no jogo entre Mogi Mirim e Palmeiras, porém o acerto ainda não foi confirmado.


1- Muito boa a parceria entre Transamérica e Record, que ao que tudo indica terá mesmo as transmissões simultâneas. Éder Luis, chefe da equipe comprou um equipamento super moderno para mandar o som de qualidade da FM para AM.
Esse equipamento ainda está em testes, mas quando tiver pronto todas as transmissões serão simultâneas.

2- Ainda existe a possibilidade do narrador Jorge Vinícius integrar a equipe, enquanto isso, o repórter Vanderlei Lima permanece na Record, mas na equipe de jornalismo.

Dois repórteres que cobriram a Olimpíada de Pequim na Rádio Globo e CBN de São Paulo estão com o pé na Copa do Mundo.
A se confirmar será mais uma injustiça com outros bons repórteres da Globo (Jesse Nascimento e Rafael Prates) que não jogam botão com a chefia.

Popular Mais é a nova investida do Grupo Lance

O jornal Mais é a novidade do Grupo Lance para este início de ano.
O tabloide deve chegar nesta semana, provavelmente na quarta-feira, 20, como uma espécie de teste nas bancas paulistanas e da Grande São Paulo; já a primeira edição sairá na quarta-feira seguinte, 27, de acordo com Walter de Mattos Júnior, presidente do jornal Lance.
O preço do exemplar é guardado a sete chaves, e a tiragem será de 75 mil exemplares.
Serão duas grandes editorias, metade delas ficando para Geral - com as subdivisões Você, com notícias que falam sobre assuntos relacionados ao indivíduo; Sua Cidade, que trata do entorno, e Seu Mundo, que cobrirá Brasil e o mundo.
A outra metade fica dedicada à área de esportes - que é, afinal, a especialidade do grupo.
Às sextas, o jornal apresentará páginas com a programação do fim de semana.
De acordo com Mattos Jr., essa é uma forma bem diferente de organizar o jornal, que terá de 24 a 28 páginas.
O Mais, por ora, nasce somente no meio impresso, mas em breve deve ganhar uma versão online. "Não será um projeto ortodoxo.
Ele pode ser um projeto bem diferente do papel, por ser, por exemplo, um projeto complementar", estima. De leitura rápida, compacto e direcionado às classes B, C e D, o jornal será lançado para o público que normalmente não tem a prática de leitura de periódicos.
"Ele vem para superar essa situação de São Paulo, que é praticamente a única grande cidade do mundo que não tem um jornal para a classe média-média, mais popular", informa o executivo. De acordo com ele, um dos diferenciais do Mais em relação aos seus concorrentes será exatamente o foco neste público.Embora admita que possa haver "canibalização" na cobertura entre o novo jornal e o Lance, Mattos Jr. ressalta que, por ser um jornal de leitura rápida, o Mais não terá a penetração que o diário esportivo possui.
"O Lance tem um volume de cobertura que este jornal não vai igualar de modo algum, além de uma linguagem, sofisticação e profundidade que este jornal não vai ter, pois será de rápida leitura.", pontua. Mattos Jr. faz questão de destacar, no entanto, que o Mais terá uma redação de verdade, com 32 profissionais - comandadas por Fernando Santos, editor executivo de mídia impressa do Grupo.
Pesquisas realizadas nos últimos meses indicam que 80% dos leitores serão do sexo masculino.Mais por MenosUma campanha criada pela agência Heads será veiculada nesta quinta-feira, 21, destacando as características na nova publicação.
Sob a assinatura "Mais por Menos", a ação estará presente em canais de TV aberta, emissoras de rádios, pontos-de-venda, e contará com o reforço de iniciativas entre os jornaleiros da cidade. O plano de mídia enfatizará ainda uma promoção de bolsas térmicas estilizadas com monumentos-ícones de São Paulo, como o Estádio do Pacaembu, a obra de Brecheret no Ibirapuera (mais conhecido como Empurra-Empurra) e a torre de TV da Avenida Paulista.
Fonte: Meio & Mensagem

Manchetes

O Fiel
Bom Sinal !

Lance
SP: Craque do Messias (Santos)
RJ: Show & Garra (Flu e Fla)
MG: Encaixou! (Galo e Cruzeiro)

Folha de SP = Violência dificulta socorro no Haiti

O Estado de SP = Brasil e EUA se alinham para conter caos no Haiti

O Globo = Gangues se reorganizam e espalham violência no Haiti

Jornal do Brasil = Haiti: Ajuda chega, apesar da violência

Correio Braziliense = Tecnologia faz “milagres” em resgates no Haiti

Estado de Minas = Educação de um filho custa até R$ 428 mil

Valor Econômico = Brasil retoma posições no mercado argentino

Zero Hora (P. Alegre) = Brasil avalia aumento de tropas no Haiti

A Tarde (Salvador) = Ônibus em alta velocidade causa tragédia

O Povo (Fortaleza) = 140 roubos a bancos no Ceará em dez anos

Jornal da Tarde (SP) = Onda de roubos leva terror à Praça da República

Diário Catarinense (Florianópolis) = Saiba quais setores da economia vão contratar

Gazeta do Povo = Ainda há vida e um fio de esperança sob os escombros

Diário de S. Paulo = Herois feridos no Haiti voltam às suas famílias

Jornal do Commercio (Recife) = Concurso do TRE está “sob risco”