terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Futebol feminino "bate" homens na Band

Programado para o mês de dezembro na tentativa de ocupar a lacuna deixada pelo futebol masculino com o fim do Campeonato Brasileiro na TV aberta, o Torneio Internacional Cidade de São Paulo de futebol feminino tem turbinado a audiência da Band.
As duas primeiras jornadas da seleção brasileira - contra Chile e México - renderam, respectivamente, 8,5 e 8 pontos de média à emissora na semana passada.
Nos dois jogos, o pico ultrapassou a casa dos dez pontos, num resultado superior aos índices obtidos pelos homens na maioria das rodadas dos torneios continentais, nacionais e estaduais de 2009.
Na quarta-feira (9), por exemplo, o canal também mostrou o duelo entre Dínamo de Kiev e Barcelona no encerramento da primeira fase da Liga dos Campeões da Uefa, competição interclubes mais badalada do mundo.
A vitória do time catalão registrou apenas 4,5 pontos de média, com pico de 6 pontos. O recorde masculino na temporada é de 11 pontos, marca alcançada em duas ocasiões: nos clássicos Corinthians x Santos, na final do Campeonato Paulista, e Corinthians x Palmeiras, já pelo Brasileiro.
A média geral do Nacional, contudo, girou em torno de 6 pontos, resultado obtido, inclusive, na rodada decisiva do campeonato. A estratégia do acordo de mídia do Torneio Internacional é exibir as partidas em horário nobre, a fim de ajudar o comercial.
Os oito jogos do evento (seis da primeira fase, disputa de terceiro e quarto lugar e a decisão) estão indo ao ar pelo canal Bandsports (TV fechada), e quatro delas (as três do Brasil na primeira fase e a disputa do título) na Band.
Os duelos programados para a rede aberta foram marcados às 21h50 de quarta-feira (Brasil x Chile e China x Brasil) e na tarde de domingo (Brasil x México aconteceu às 18h, enquanto a decisão será realizada às 16h).
A estratégia tem surtido efeito, já que na último torneio de futebol feminino que exibiu, a Copa Santander Libertadores da América, em outubro, a Band conseguiu médias entre 5 e 6 pontos com o título do Santos, liderado pelas estrelas Marta e Cristiane.
Fonte: Máquina do Esporte