quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Rádio Capital faz balanço positivo às vésperas do 38.º aniversário

No encerramento de 2015, a Rádio Capital, de São Paulo tem bons motivos para festejar: consolidou a liderança na audiência no rádio AM na região metropolitana na maioria dos horários, ampliou as opções dos ouvintes por meio da tecnologia, abriu espaço para reclamações do público, somou o carisma de seus comunicadores em sintonia com uma equipe de jornalismo de credibilidade e levou adiante as providências para começar a atuar também no FM dentro de pouco tempo. Na contagem regressiva para seu 38.º aniversário – a ser completado em 25 de janeiro –, a Capital reconhece a gravidade da atual crise política e econômica do País, mas cumpre seu papel de abordar os fatos com a máxima isenção, dando voz a todos os lados e também ao povo. Eli Corrêa, Paulo Barboza e Paulo Lopes, comunicadores experientes, assumem o entretenimento, música e informação nas manhãs e tardes da Rádio Capital, sendo sucedidos pelos apresentadores Cinthia e Edi Barbosa e pela equipe esportiva comandada por Alexandre Barros. As noites contam com o próprio Edi e Germanno Junior. As madrugadas ficaram mais turbinadas com Ricardo Leite e Paulinho Boa Pessoa. O padre Juarez de Castro, a advogada Maria Faiock e o fofoqueiro Nelson Rubens integram o quadro de atrações dentro dos programas, que nos fins de semana têm a grade reforçada por Paulo Eugênio, Luis Ribeiro, Antonio Aguillar, Edson Natale, Caju e Castanha, Brito Junior, Seraphim Costa Almeida, Evanildo Pereira, Fátima Macedo, Isabel Botelho e Eli Corrêa Filho. O Departamento de Jornalismo, coordenado por Luiz Carlos Ramos, conta com Carolina Mattos, Carla Mota, Cid Barboza, Raquel Rieckmann, Ana Paula Novaes e Ronaldo Pantera Lopes, por meio de noticiosos, reportagens e comentários. Em 2015, foi lançado um canal por meio do WhatsApp para que os ouvintes possam reclamar sobre qualquer questão que os afeta. Essas reclamações são levadas ao ar. O ouvinte tem voz. E, por meio da Capital, pode solucionar problemas junto a órgãos governamentais ou empresas. A Rádio Capital, que tem Francisco Paes de Barros como diretor geral há 11 anos, não abre mão de colocar em prática o estilo de rádio popular, em respeito ao ouvinte, sem sensacionalismo, e se orgulha de perceber o quanto vem conquistando espaço e carinho junto ao público da região metropolitana de São Paulo, do Interior do Estado e, por meio da internet, também de outros Estados.