quarta-feira, 3 de julho de 2013

Rádio Bandeirantes e BandNews FM promovem projeto de inverno 2013 com estúdio em Campos do Jordão

Para os ouvintes curtirem com tranquilidade a estação mais fria do ano, a Rádio Bandeirantes e a BandNews FM já colocaram no ar o projeto inverno 2013. Ações tradicionais conhecidas do público, os projetos de verão e de inverno das rádios do Grupo Bandeirantes dão toda assistência para o motorista viajar com mais segurança a partir da atualização constante da situação do trânsito nas principais rodovias, além da indicação dos caminhos alternativos. A cobertura da Rádio Bandeirantes e da BandNews FM também terá um espaço exclusivo em Campos do Jordão, na região da Serra da Mantiqueira, em São Paulo, a partir do próximo dia 4 até o fim do mês de julho. 
A Estação de Inverno é localizada no centro da cidade conhecida pela gastronomia, o festival de música clássica e as compras. Direto do estúdio avançado em Campos do Jordão, a Rádio Bandeirantes apresenta o “Jornal em Três Tempos” nos dias 4, 5, 8 e 9 de julho, além de entradas ao vivo de repórteres e âncoras. A emissora ainda veicula diariamente o “Jornal do Inverno”, com duração de 5 minutos, em três edições diárias, nos programas “Ciranda da Cidade” (14h-15h), “Jornal em Três Tempos” (15h-18h) e no “Jornal de Amanhã” (22h30-24h). O noticiário reúne informações sobre meteorologia, agendas culturais da capital, cidades litorâneas e serranas, além de orientações e os cuidados com a saúde, aliada à prática de exercícios e uma alimentação balanceada. Presente em oito mercados brasileiros, a BandNews FM está levando ao ar reportagens produzidas em toda rede sobre temas ligados à estação. Além disso, o jornal “O Melhor do Inverno em 20 Minutos” é veiculado às sextas-feiras, às 11h20 e 15h20. Nele, o ouvinte confere informações sobre temas variados: desde o cuidado com a pele até a escolha de restaurantes, dos melhores vinhos e da roupas que combinam com a estação. As duas emissoras também ficam de olho nas principais rodovias para proporcionar grande cobertura das condições, horários e destinos para as férias ou viagens de final de semana.
Uma frota especial da Rádio Bandeirantes acompanha a movimentação das rodovias que levam às principais cidades turísticas. Além disso, boletins ao longo da programação descrevem a situação do trânsito nas cidades, o movimento dos aeroportos e a previsão do tempo.

Rádio do Tocantins investiu mais de R$ 2 na Copa das Confederações e foi a única a transmitir todos os jogos direto do estádio

99% de loucura e 1% de razão. É assim que Salomão Carvalho, goiano da modesta Itaberaí, define o ousado projeto da Rádio Miracema do Norte para a Copa das Confederações. A emissora representa o Tocantins e foi a única de todo segmento radiofônico a transmitir todos os 16 jogos da competição direto dos estádios. “Até Nigéria x Taiti”, conta Salomão. Ele tem dificuldades, e faz um pouco de mistério, para explicar o tamanho do investimento. Mas depois de alguns minutos de conversa, explica. “Para fazer uma cobertura meia boca, você precisa de US$ 500 mil (R$ 1,1 milhão). Nosso projeto é de US$ 1 milhão (R$ 2,2 milhões)”, diz o diretor, comentarista e, segundo ele próprio, até mesmo “carregador de equipamentos”. O potencial de capilaridade do projeto é o que, de acordo com Salomão, pode pagar as contas não só com a Fifa, mas de viagens, hospedagem e equipamentos, entre outros. Na Copa das Confederações, 188 emissoras espalhadas pelo Brasil retransmitiram os jogos da Rádio Miracema do Norte. “E não cobramos um real por isso”, explica. Há outro tipo de parceria ainda: 16 emissoras compraram um pacote diário com boletins, programas e entrevistas produzidos pela equipe de Salomão. O que rende, ainda de acordo com o diretor, R$ 64 mil no total. Muito, muito longe de fechar a conta junto à Fifa. “Juntei economias, vendi terrenos que tinha, fiz parcerias. Não é fácil sair de Tocantins e abrir esse espaço”, explica. Espaço que ele também abriu para a Copa 2010, Copa América 2011 e Olimpíada 2012. Segundo apurado pelo Terra, o direito de transmitir a Copa das Confederações via rádio exige investimento superior a R$ 600 mil. O acesso dos profissionais às partidas é cobrado individualmente: uma equipe com três profissionais precisa pagar, por jogo, mais R$ 9 mil. Nada, porém, que intimidasse Salomão. Há três anos, para ir à África do Sul, ele precisou aprender a escrever no computador ou mesmo operar o Skype. Hoje, comanda uma equipe que ele próprio define como otimista na cobertura da Seleção. Seu repórter bateu palmas para Daniel Alves depois de uma entrevista coletiva com críticas à imprensa brasileira, o que irritou outros colegas. Já em Fortaleza, seu comentarista durante Brasil x México fumou cinco ou seis cigarros, o que é proibido pela Fifa. “Nós queremos formar uma grande praça de rádios, queremos unificar a linguagem do Brasil, juntar a ginga do baiano com a malandragem do carioca. Na Copa de 2014, queremos estar na ponta dos cascos”. Sim, a Miracema do Norte também quer ir ao estádio em todas as partidas do próximo Mundial.
Fonte: Portal Terra/ Celso Paiva/ Dassler Marques e Fábio de Melo

“Arbitragem e as Novas tecnologias" é tema do 3º Fórum Aberto de Torcedores

Acontece nessa quinta-feira, dia 4/7 o 3° Fórum Aberto de Torcedores (FAT),  será a partir das  19h, no auditório Armando Nogueira, no Museu do Futebol – instituição da Secretaria de Estado da Cultura, localizado no estádio do Pacaembu. A entrada é gratuita e aberta ao público. O evento reunirá representantes da arbitragem, para bate-papo que levanta algumas teses sobre o papel dos árbitros na construção do espetáculo futebolístico, formação profissional, origem e a forma como são preparados para desempenhar o seu trabalho. Além desses assuntos, também serão levantadas questões sobre a aceitação ou recusa do uso de novas tecnologias e eventuais mudanças de regras, para que os erros passem cada vez menos a prejudicar a justiça do jogo dentro de campo. Estão confirmados o árbitro Wilson Luis Seneme; o comentarista de arbitragem Oscar Roberto Godoy; e pela Federação Paulista de Futebol, o diretor da Escola de Árbitros, Roberto Perassi e o Presidente da Comissão Estadual de Arbitragem, Coronel Marcos Cabral Marinho de Moura. O organizador do 3° FAT, Guilherme Mendes, será o mediador da mesa. Fórum Aberto de Torcedores – FAT é um espaço democrático para debate e aprofundamento de temas ligados ao futebol. A participação é gratuita e aberta a profissionais do futebol, estudiosos do assunto e torcidas. 
Serviço: 
3º Fórum Aberto de Torcedores
Onde: Museu do Futebol
Local: Auditório Armando Nogueira (capacidade 180 lugares)
Data: 04/7 (quinta-feira) Horário: 19h Entrada: Gratuita Endereço: Pça. Charles Miller, s/nº, Pacaembu 
Informações: www.museudofutebol.org.br

Rádio Bandeirantes estreia coluna “Em Bom Português”

A nova coluna da Rádio Bandeirantes vai traduzir o mundo complexo, porém acessível, da língua portuguesa. “Em Bom Português” estreou na emissora na segunda-feira passada, e tem  apresentação de  Luis Costa Pereira Junior, editor da revista “Língua Portuguesa”, da Editora Segmento. O quadro vai ao ar às segundas e sextas, nos programas “O Pulo do Gato” (05h30 - 07h) e “Jornal em Três Tempos” (15h -18h) e às quartas no “Jornal Gente” (08h -10h). Toda quinta-feira, o colunista ainda estará ao vivo no estúdio do “Jornal em Três Tempos” para tirar dúvidas e responder perguntas dos ouvintes. Luis Costa Pereira tem mais de 20 anos de experiência em Jornalismo, fez doutorado em filosofia e educação pela Universidade de São Paulo e é criador e editor da revista Língua Portuguesa. O novo colunista pretende levar através das ondas do rádio um conhecimento a mais do que regras gramaticais. Segundo ele, o conhecimento sobre a língua portuguesa é crucial para se relacionar socialmente de maneira mais eficaz. “A língua é um instrumento poderoso para se adaptar a novas situações comunicacionais. Por exemplo, uma pessoa utiliza uma linguagem muito diferente quando vai conversar com o filho e debater um assunto de trabalho com o chefe. Na coluna vamos discutir como é importante ser bem compreendido e não dar margem a uma interpretação errada”, afirma Luis. “Quem domina a língua trabalha melhor, namora melhor, interage melhor”, acrescenta. Além disso, o quadro traz notícias relevantes sobre o mundo da língua portuguesa, como novos estudos sobre o assunto, e relacionar características da língua com a vida cotidiana do brasileiro.