terça-feira, 10 de abril de 2012

Museu do Futebol celebra os 100 anos de Santos

No dia 14 de abril, o Santos Futebol Clube comemora 100 anos, e o Museu do Futebol – instituição da Secretaria de Estado da Cultura, localizado no Estádio do Pacaembu – propõe aos visitantes um bate-papo com o time de educadores e entrada gratuita para quem estiver com a camiseta do time. 
Das 9h às 17h do sábado, os educadores estarão espalhados pelas salas do Museu para conversar e localizar no acervo as personalidades, gols e informações que marcaram a história da equipe. Começando pela sala Grande Área, por exemplo, o visitante encontrará um grande painel com imagens de objetos pessoais de torcedores. Das 487 fotografias, 20 se relacionam ao Santos e seus jogadores. Logo, subindo as escadas, o visitante será recebido em vídeo por ninguém mais, ninguém menos que o Rei Pelé, que atuou 18 anos pelo clube (1956 até 1974). Na sala Anjos Barrocos, encontram-se quatro jogadores que vestiram o manto santista em diferentes épocas, Carlos Alberto Torres em jogo realizado no estádio do Morumbi, ainda inacabado, em 1969; goleiro Gilmar, em atuação pela seleção brasileira na Copa de 1966; o atacante Pelé com a posse de bola em um jogo do Santos realizado em São Paulo no ano de 1969 e Sócrates, durante jogo entre Brasil e Polônia na Copa do Mundo de 1986. Ao lado, na sala dos Gols, o visitante pode assistir o gol do ainda lateral esquerdo do time, Léo, na final do Campeonato Brasileiro de 2002, narrada com emoção pelo jornalista e escritor José Roberto Torero. 
Já na sala Exaltação, o visitante vai viver a experiência de entrar em campo e ouvir o grito da torcida santista. Debaixo das arquibancadas do Pacaembu as imagens de “olas”, textos e cores se juntam aos cantos entoados nos estádios, recriando toda a emoção sentida pelos jogadores dentro de campo. 
E, por fim, na sala Dança do Futebol, as defesas de Rodolfo Rodriguez, os dribles de Robinho, os gols de Giovanni no Campeonato Brasileiro 2005 se somam à bandeira do Santos acima da escada rolante. Na Sala Jogo de Corpo, o fichário do Santos relembra os principais ídolos dos clubes, os mais importantes títulos e até a letra do hino oficial da agremiação. 

SERVIÇO: 
Museu do Futebol celebra os 100 Anos de Santos 
Onde: Museu do Futebol 
Quando: 14 de abril (sábado) Horário de funcionamento do Museu: das 9h às 17h (permanência até às 18h) Dias de funcionamento do Museu: terça- feira a domingo Ingressos: R$ 6 (inteira) /R$ 3 (meia-entrada para estudantes, idosos e professores) 
*Todas as quintas-feiras a entrada é gratuita Tel.: (11) 3664-3848 Endereço: Praça Charles Miller, s/n Informações:
www.museudofutebol.org.br 
Twitter:@_museudofutebol Facebook:www.facebook.com/museudofutebol

Convite

Acontece logo mais o lançamento do livro: Santos 100 anos, 100 jogos, 100 ídolos, dos colegas Odir Cunha e Celso Unzelte. Prestigiem esse ótimo trabalho que também faz parte das comemorações do centenário do Peixe.

Andrés Sanchez é o convidado de hoje Cartão Verde

Andrés participa é o convidado
do programa de hoje
Andrés Sanchez, atual diretor de seleções da CBF é o convidado do programa desta terça-feira (10/4). Às 22h, na TV Cultura.
O programa, apresentado por Vladir Lemos, com os comentários  de Vitor Birner, vai ao ar na TV Cultura, a partir das 22h. 
Sanchez é o atual diretor de seleções da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Foi presidente do Corinthians entre 2007 e 2011. No Cartão Verde, ele deve falar sobre a atuação da Seleção Brasileira principal, comandada pelo técnico Mano Menezes. Sanchez também vai lembrar de alguns de seus momentos à frente do clube paulista.
 Foto: Divulgação

Rádio Globo passa a transmitir sua programação no Facebook

A Rádio Globo passou a transmitir a sua programação na Fan Page que mantém no Facebook. A integração com a rede social aconteceu na última semana. Transmitida nas frequências AM e FM, a rádio já estava disponível em aplicativos para iPhone, iPod e iPad. Os ouvintes também poderiam acompanhar o conteúdo da Rádio Globo ao acessar o site oficial da emissora.
Fonte: Comunique-se