segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Antigo vestiário do Pacaembu é revivido em exposição


Mostra é uma ótima dica do BLOG
A sala que abriga as exposições temporárias do Museu do Futebol era, originalmente, uma das utilizadas como vestiário durante os jogos no Pacaembu. Nada mais apropriado, portanto, do que reviver, ali mesmo, a atmosfera de um vestiário em imagens fotográficas captadas por Gilberto Perin.
“Uma das sacadas desta exposição é a articulação de três artes distintas – fotografia, mapping e artes plásticas – que, num jogo de sobreposições, trazem alguns dos imaginários que flutuam em torno desse espaço íntimo que é o vestiário”, diz Clara Azevedo, diretora de conteúdo do Museu.
Perin, fotógrafo gaúcho, acompanhou os atletas do Grêmio Esportivo Brasil, de Pelotas, na disputa pelo título da segunda divisão do Campeonato Gaúcho de 2010. As imagens mostram os dramas e as alegrias vividas no interior de vestiários e dá ao torcedor a sensação de adentrar um dos espaços mais secretos do esporte. “Decidi acompanhar este time porque, meses antes, um grave acidente no ônibus que transportava a equipe, mobilizou emocionalmente os atletas. Assim, pude captar momentos-limites de tensão, alegria, disputa. E, também buscar um mundo desconhecido (e proibido) para torcedores e mídia”, diz Perin.
Estas imagens são interpretadas, na exposição “VESTIÁRIO”, pelo artista plástico Felipe Barbosa, com suas inusitadas bolas de futebol descosturadas e outras peças refeitas a partir de materiais recolhidos, transformados e reorganizados geometricamente. Ele transformou o vestiário do Pacaembu num ateliê de artista em que chuteiras, caneleiras e luvas são expostas repetidamente em armários cenográficos que reproduzem o ambiente de vestiário.
Sobre estas camadas da fotografia e da “instalação” artística entram os jogos de luz e sombra propostos pelo VJ Spetto, por meio de uma intervenção eletrônica que é o vídeo-mapping (isto mesmo, a capacidade de modificar a percepção de objetos por meio da luz!).
Com esta exposição, o Museu do Futebol trabalha para que a ação educativa se torne um instrumento de transformação. Para que as exposições suscitem interrogações, modifiquem o olhar. Para que o visitante entre com perguntas e saia com mais perguntas do que entrou. E principalmente, descubra porções lúdicas que, muitas vezes estão adormecidas em cada um de nós.
Esta é mais uma exposição elaborada integralmente pela equipe do Museu do Futebol, com a participação do curador Leonel Kaz: “Vestiário propõe uma fusão entre visão e alucinação, arrancando o visitante da monotonia do cotidiano, chacoalhando e aturdindo suas percepções.”

SERVIÇO:
Exposição Vestiário
Local: Museu do Futebol
Onde: Sala Osmar Santos
Data de inauguração: 14 de fevereiro, às 19h30
Horário de funcionamento do Museu: das 9h às 17h (permanência até as 18h)
Ingressos: R$ 6 (inteira) /R$ 3 (meia-entrada para estudantes, idosos e professores)
*Todas as quintas-feiras a entrada é gratuita
Endereço: Praça Charles Miller, s/n
Tel.: (11) 3664-3848
Informações: www.museudofutebol.org.br
Twitter: @_museudofutebol
Facebook: www.facebook.com/museudofutebol

Arte e festa no dial da Eldorado Brasil 3000

A Rádio Eldorado Brasil 3000 abre espaço para o Carnaval e para o Oscar. A emissora tem programação especial dedicada aos dois grandes eventos do mês, que ocuparão espaço nobre na programação da rádio, com programas especiais e muita música.
Na cobertura do Carnaval, a Eldorado Brasil 3000 vai provar que definitivamente São Paulo não é, como o poeta afirmou um dia, o túmulo do samba. De 13 a 21 de fevereiro, a rádio desvenda, no especial “São Paulo dá samba”, as histórias do carnaval paulistano, contadas por quem as viveu. Serão depoimentos, muita história e tradições ligadas aos blocos carnavalescos, bailes, foliões e compositores da cidade.
Já para o Oscar, a emissora apresentará, no Cine Drops Eldorado, série especial de músicas para esquentar o clima para a festa. O Especial Oscar terá três edições diárias espalhadas na programação durante a semana que antecede o evento. Além disso, no dia da premiação será apresentado um especial de uma hora do Cine Drops. Serão selecionadas trilhas dos filmes que disputam o prêmio, além de canções que marcaram o cinema ao longo dos anos e que foram premiadas nas edições anteriores. O boletim é apresentado por Marina Person, uma grife quando o assunto é cinema.
Toda a cobertura e os especiais também poderão ser acompanhados pela internet, no Território Eldorado (www.territorioeldorado.com.br). Lá, o internauta terá acesso ao material apresentado na programação.