segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Estreia para poucos

Apresentadores do Fox Sports fazem campanha para internautas pressionarem operadoras de TV

Ilan e colegas iniciaram campanha na Internet
Jornalistas do Fox Sports Brasil, que estreou na manhã deste domingo, 5, estão usando as redes sociais para cobrar que as operadoras de TV por assinatura se acertem o quanto antes com o canal. Alguns dos profissionais da emissora afirmaram que os internautas devem cancelar o contrato com a empresa que não fornece o veículo aos seus assinantes.
Questionado sobre o que um telespectador deveria fazer quando percebesse que a operadora de TV por assinatura não incluiu o Fox Sports em sua gama de canais, o narrador João Guilherme, que foi contratado pelo canal após permanecer por 15 anos no Sportv, foi drástico na resposta. “Diga: 'quero cancelar'. Darão importância", afirmou em seu perfil no Twitter. "A força do evento + a força do Fox Sports + o público vão derrubar isso", continuou o locutor.
Guilherme, entretanto, não foi o único funcionário da nova emissora da TV por assinatura que comentou a ausência do veículo em algumas operadoras. Também narrador, Marco de Vargas ironizou a versão de que empresas não estão distribuindo o sinal da emissora justamente por causa do próprio Fox Sports. “Eu vou ficar maluco, juro! Então a operadora não aceita disponibilizar um canal com o filé do futebol sulamericano e a culpa é... do canal?”, perguntou.
Com os direitos de transmissão da Taça Libertadores da América, o apresentador José Ilan (foto), que deixou a coluna que mantinha no site do Globoesporte em janeiro para acertar com o veículo de comunicação do Grupo Fox, salientou a importância da competição para os torcedores brasileiros. De acordo com o jornalista, a pressão dos telespectadores farão todas as operadoras aceitarem incluir a nova emissora em seus pacotes. “Várias operadoras estão adiantadas e devem ter o Fox em breve. O quanto elas vão demorar, no fundo depende de vocês (internautas e telespectadores)”, afirmou.
Durante a estreia, o Fox Sports Brasil foi transmitido por Oi TV, TVA, TV Digital da Telefônica e Nossa TV. Tida com acertada por parte da mídia com o veículo, a Via Embratel não exibiu o primeiro dia de programação do novo canal. Net e Sky também deixaram o Fox Sports de fora.
Foto: Facebook

CBN é a rádios mais admirada

Veículos mais admirados
Pelo 12º ano consecutivo, a CBN lidera o ranking de rádio da pesquisa Veículos Mais Admirados, realizada pelo Grupo Troiano de Branding e publicada com exclusividade por Meio & Mensagem. O estudo calcula o Índice de Prestígio da Marca (IPM) dos principais veículos de comunicação do País a partir dos dados de levantamento feito pela Qualibest junto aos assinantes do Meio & Mensagem e a uma base seleta de internautas cadastrados no site www.meioemensagem.com.br .
Entre as emissoras de rádio, as cinco primeiras colocadas se mantiveram em seus lugares. Pela ordem, CBN, Eldorado Brasil 3000 (em 2010, Eldorado AM/FM), BandNews, Jovem Pan e Rede Bandeirantes de Rádio. Do sexto lugar em diante, uma novidade: surgiram na lista três emissoras com nomes ligados a marcas famosas. São emissoras recentes e ausentes da lista anterior das dez mais.
A rádio Mitsubishi ficou na sexta posição, a SulAmérica Trânsito em nono e a Rádio Oi (que passou a funcionar apenas na internet a partir do final de 2011) em décimo. A Rádio Globo Brasil galgou da nona para a sétima posição e a Antena 1 caiu da sexta para a oitava colocação. Itatiaia, Gaúcha e 91 Rock & News deixaram de figurar nos top ten. Vale observar que, das dez mais admiradas no meio rádio, quatro estão ligadas ao Grupo Bandeirantes de Comunicação e duas às Organizações Globo (veja quadro completo).

Fonte: Meio&Mensagem