Daniel Piza é enterrado em SP

Piza voltaria das férias dia 11 de janeiro
O corpo do jornalista e escritor Daniel Piza, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) na última sexta-feira, foi enterrado no Cemitério de Congonhas, em São Paulo, por volta das 11h deste domingo.
Ele estava reunido com sua família na cidade de Gonçalves, interior de Minas Gerais, para as festas de fim de ano, quando começou a passar mal. Piza, de 41 anos, foi atendido de imediato pelo pai, que é médico, mas não resistiu.
Piza começou no jornalismo em 1991, no próprio Estadão, no qual ultimamente era colunista dos cadernos C2 e Esportes. Além do impresso, ele mantinha um blog no Estadão.com.br e era comentarista da rádio Estadão-ESPN, emissora em que chegou a apresentar os programas ‘Estadão no Ar’ e ‘Direto da Redação’ durante a semana ao lado de Mia Bruscatto.
Além de editor-executivo, colunista e apresentador do Estadão, ele trabalhou também nas redações da Folha de São Paulo, Gazeta Mercantil, e na rádio CBN de São Paulo onde foi comentarista esportivo entre 2007 a 2009.
Como escritor publicou 17 livros, voltados para o jornalismo e História.
Piza deixa a mulher, a também jornalista Renata Piza, e três filhos, Letícia, de 14 anos, Maria Clara, de 10, e Bernardo, 6.
Foto e fonte: Facebook e Comunique-se

Postagens mais visitadas