quarta-feira, 22 de julho de 2009

Copa da Paz mira estádio na Faixa de Gaza

Kaká deve estrear com a camisa do Real Madrid. Para a Juventus, o torneio marcará o início da trajetória de Diego no clube. O Lyon, que defende o título, também renovou seu elenco.
Entre times e estrelas, muitas são as razões para os holofotes se voltarem à Copa da Paz, torneio amistoso que será realizado na Espanha durante a preparação para a temporada 2009/2010. Nenhum deles, porém, é tão inusitado quanto o objetivo social do evento: construir um estádio na Faixa de Gaza. Situada ao longo do mar Mediterrâneo, a Faixa de Gaza possui 41 quilômetros de extensão.
Seu território é dominado pelo grupo islâmico Hamas, inimigo declarado do Estado de Israel. Por conta disso, a região é foco de constantes ataques das duas partes.
A construção de um estádio na Faixa de Gaza é uma aposta da SunMoon Soccer Foundation, entidade criada pelo reverendo Sun Myung Moon.
A proposta do grupo é criar 11 arenas esportivas em zonas de conflito - as próximas serão entre Coreia do Norte e Coreia do Sul e entre Paquistão e Índia - para que essas locais auxiliem a disseminar a paz entre os povos.
Neste ano, todo o superávit da Copa da Paz será destinado à construção do estádio em Gaza. "Visualizamos algo muito próximo de acontecer em escala global. A humanidade está entendendo que só a força não vai resolver os problemas do mundo. É preciso buscar arte, cultura e esporte, e nós trabalhamos no viés do esporte.
Acreditamos e buscamos ações práticas", disse Waldir Cipriani, diretor do Atlético Sorocaba e membro do comitê organizador do torneio.
O Atlético Sorocaba participa da Copa da Paz porque é patrocinado pelo reverendo Moon.
A SunMoon Soccer Foundation foi a responsável pela criação do evento, em 2003.
Depois de três edições na Coreia do Sul, a realização na Espanha inaugura um novo calendário itinerante. "Nós tentamos levar o Real Madrid em 2003, mas eles não deram muita importância. Só que o clube viu que a cada edição o superávit era direcionado a uma grande ação em prol da paz", contou Cipriani.
A Copa da Paz faz parte de um projeto chamado "Play soccer, make peace" (jogue futebol, faça paz, em tradução livre), conduzido pela igreja de Moon.
A Copa da Paz de 2009 terá 12 participantes. Além de Real Madrid, Juventus e Lyon, o torneio será disputado por Sevilla (Espanha), Seongnam (Coreia do Sul), LDU (Equador), Al-ittihad (Arábia Saudita), Málaga (Espanha), Aston Villa (Inglaterra), Atlante (México), Besiktas (Turquia) e Porto (Portugal).
O campeão receberá dois milhões de euros em premiação.
Fonte: Máquina do Esporte

manchetes

Financiamentos de Multas e Licenciamento é com a SODESP
SODESP - (11) 2799- 0400

Lance
SP: É do verdão! (Muricy)
RJ: Mengão na veia!
MG: Hora H !(Cru)

Folha de S.Paulo
Gripe suína mata mais 6 em SP; país já soma 22 mortos

Diário de São Paulo
Gripe suína mata 4 na capital

Agora S.Paulo
INSS facilita concessão de benefícios nos postos

O Estado de S.Paulo
Gravações ligam Sarney a Agaciel e a atos secretos

Jornal do Brasil
Comandante admite despreparo da PM

O Globo
Pagamento de CPMF por Estados será investigado

Valor Econômico
Estados perto do limite nos gastos com pessoal

Correio Braziliense
Golpe com a casa própria

Estado de Minas
De bolso cheio

Diário do Nordeste
Lula admite apoio a Ciro Gomes para o governo de SP

A Tarde
Bahia tem 680 mil consumidores no SPC

Extra
Oficial da PM era um dos chefões da pirâmide de Romário

Correio do Povo
Mortes por gripe A passam de 740

Zero Hora
Ranking aponta as cidades com mais jovens assassinados